quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

SCP Foundation - SCP-434

Item #: SCP-434

A Meeting with Myself - Encontro Comigo Mesmo.

Classe de Objeto: Euclid

Procedimentos de contenção especial: SCP-434 deve ser armazenado em um cofre enquanto não estiver em uso. SCP-434 não poderá ser usado por indivíduos com histórico de problemas psicológicos crônicos ou por SCPs humanóides. Todos os indivíduos que utilizarem ou reunirem-se ao SCP-434 deverão entregar todas as armas que possuam à equipe de segurança. Uma equipe de segurança completa deverá estar a espera durante os experimentos com o SCP-434, e toda e qualquer observação feita pelos agentes psicológicos deverá ser realizada à partir de uma sala isolada.


Descrição: SCP-434 é uma antiga mesa de conferência. SCP-434 não funcionará a menos que, pelo menos, oito cadeiras sejam colocadas em torno dela. Assim que um sujeito sentar-se no SCP-434, duplicatas físicas do sujeito aparecerão em 7 das outras cadeiras. Estes indivíduos, referidos como SCP-434-1 até SCP-434-7, possuem todas as memórias e conhecimento do indivíduo original, mas aparentemente apenas um fragmento de sua personalidade. SCP-434-(1-7) são conscientes da sua natureza temporária e raramente reagem negativamente a isso. Quando questionados sobre esse fato, eles afirmam que são elementos do assunto e que viverão nele para toda a sua vida. Os indivíduos permanecem por um dia inteiro depois que o sujeito sai da mesa, após eles desaparecem, sem deixar vestígios detectáveis. No entanto, os indivíduos são mais do que capazes de agredir um ao outro, outras pessoas e em casos raros, sobretudo quando o indivíduo é mentalmente instável, o próprio sujeito. Quando os ferimentos não têm nenhum efeito duradouro, a morte de um indivíduo resultará uma mudança acentuada na personalidade do paciente, o que corresponde à falta do aspecto incorporado por aquele indivíduo. SCP-434- (1-7) são os seguintes:



  • SCP-434-1 não irá tolerar críticas e não vai aceitar que o primeiro indivíduo não lhe dê atenção. SCP-434-1 vai sempre ignorar evidências contrárias ao que ele acredita. A conversa vai se concentrar nos aspectos positivos do assunto. A perda do SCP-434-1 resultará na perda incapacitante da auto-confiança e auto-estima do primeiro indivíduo. 

  • SCP-434-2 vai agir e aconselhar o assunto em seu próprio benefício, independentemente dos requisitos ou bem-estar dos outros. A perda do SCP-434-2 fará com que o sujeito perca a benevolência, e passe a considerar suas próprias necessidades acima das pessoas a sua volta, sobretudo na tomada de decisões, a um ponto em que muitas vezes, se tornará fatal.

  • SCP-434-3 raramente fala ou faz algo, apenas para simplesmente evitar atividades ou esforços físicos. A perda do SCP-434-3 resulta na aparentemente perda da capacidade do indivídou em dormir sem ajuda química e o torna profundamente relutante em ter um descanso de qualquer tipo.

  • SCP-434-4, muitas vezes irá se fixar em um objeto específico ou um pertence possuído por um conhecido do sujeito, e o orienta a adiquiri-lo. Ele também irá reagir negativamente a todos os indivíduos que não forem o próprio sujeito. Sua perda resulta na perda da capacidade do sujeito em identificar objetos como os dele próprio, e durante um longo período de tempo, irá corroer sua auto-estima.

  • SCP-434-5 vai aconselhar a pessoa a explorar seus caprichos e desejos independentemente da praticidade ou a presença de outros requisitos. A perda do SCP-434-5 resulta na incapacidade do indivíduo em experimentar oo prazer de qualquer forma de atividade, com esperados danos fisiológicos associados.

  • SCP-434-6 irá aconselhar a agressão, ativa ou passivoa, para lutar contra todas as dificuldades sofridas pelo sujeito. SCP-434-6 é o mais provável a ser violento. A perda do SCP-434-6 resulta no assunto tornando-se quase inteiramente passivo e a evitar conflitos de qualquer espécie. Assuntos que perderam o SCP-434-6 não irão se envolver em qualquer tipo de violência, independentemente da situação.

  • SCP-434-7 vai tentar convencer o assunto de que é um excelente líder, e que suas escolhas sempre serão as melhores a longo prazo, independente das necessidades dos outros. Sua perda resultará na degradação de planejamentos à longo prazo e na incapacidade de tomada de decisões.

SCP-434 foi trazido à atenção da Fundação por um membro da Ordem de St █████, uma organização que manteve contato extensivo com históricos SCP. O SCP-434 foi relatado estando armazenada em um cofre no Vaticano; no entanto, quando uma equipe de recuperação da Fundação foi despachada para a sua recuperação, o cofre foi encontrado vazio. Análise forense do cofre indicou vestígios recentes de polvora e sangue.

Em 19██ A Fundação tomou conhecimento de um arrombamento na Casa ███████, um conglomerado da empresa MCD (N/T:Valeu Maluu!). Os relatórios policiais foram examinados com base em uma autrização da Fundação, afim de localizar o SCP-434 antes de ser recuperado pela MCD.

A datação por carbono da madeira a partir do qual SCP-434 foi construído indica que ele tem cerca de 3000 anos de idade. A teoria atualmente detida pelos pesquisadores da Fundação é de que o SCP-434 foi construído a partir de material recuperado de um SCP muito mais velho.

SCP-434 provou ser uma ferramenta útil tanto na avaliação de pessoal quanto em interrogatórios não-padrão. Seu uso para alterar os comportamentos dos indivíduos problemáticos está pendente de aprovação.

9 comentários:

  1. caramba metz, acho que esse é um dos SCP's mais bizarros que já vi o.O
    sobre o MCD Holding, deve ser alguma empresa ou conglomerado de empresas. normalmente holding é o termo usado para isso.
    bêjas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai o que seria de mim sem vc, Malu <3

      Valeu pela explicação, vou arrumar já!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Procure por ele na lista de SCPs a venda (que inclusive tbm é um SCP) HAHA!

      Excluir
  3. Um dos SCPS mais fodas que já li...

    ResponderExcluir
  4. Ta ai um SCP que eu passaria longe...
    Me conheço tão bem que sei que se os meus outros Eu's se materializassem seria fatal, pra mim a para quem estiver presente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, até que eu tava precisando matar algumas partes de mim, viu.. HAHA!

      Excluir